Lançamento

Apostila FARMACÊUTICO Rio Saúde Rj 2020


Por:
R$ 39,00

ou 4x de R$ 10,24 com juros
 

EMPRESA PÚBLICA DE SAÚDE DO RIO DE JANEIRO S.A. – RIOSAÚDE

 

A Empresa Pública de Saúde do Rio de Janeiro S.A. - RIOSAÚDE abre novo Concurso Público para o preenchimento de vagas do quadro de pessoal.

As inscrições podem ser realizadas a partir das 10h do dia 02 de dezembro de 2019 até o dia 10 de dezembro de 2019 através do site da Prefeitura do Rio de Janeiro mediante pagamento de taxa de inscrição que varia de R$ 100,00 a R$ 120,00.

Objetivo é o preenchimento de 2.717 vagas nos seguintes cargos:

  • Nível Médio: Técnico de Enfermagem (1.140); Técnico de Farmácia (11); Técnico em Imobilização Ortopédica (06); Técnico em Saúde Bucal (02); Assistente Administrativo (190) e Auxiliar de Suprimentos (30);
  • Nível Superior: Enfermeiro (360); Enfermeiro Obstetrícia (24); Farmacêutico - Diarista (02); Farmacêutico - Plantonista (14); Fonoaudiólogo (08); Psicólogo (06); Médico - 12h (220); Médico - 24h (01); Médico - 40h (01); Médico Anestesiologia (100); Médico Angiologia (04); Médico Cardiologia (08); Médico Cardiologia Pediátrica (02); Médico Cirurgia Pediátrica (04); Médico Cirurgia Vascular (04); Médico Cirurgia Geral (40); Médico Endocrinologia (04); Médico Gastroenterologia (08); Médico Infectologia Hospitalar (02); Médico Medicina Intensiva Adulto (70); Médico Nefrologia (08); Médico Neurologia (08); Médico Neuropediatria (04); Médico Ginecologia e Obstetrícia (107); Médico Oftalmologia Neonatal (02); Médico Ortopedia e Traumatologia (24); Médico Pediatria (240); Médico Pneumologia (04); Médico Coloproctologia (04); Médico Psiquiatria (50); Médico Radiologia e Diagnóstico por Imagem (01) e Médico Reumatologia (04).

Dentro do total de oportunidades, há vagas pessoas que se enquadram nos itens especificados no edital.

Os contratados terão carga horária que varia de 10 a 40 horas semanais e remuneração de R$ 1.142,33 a R$ 14.705,93.

Este certame será realizado por meio de Prova Objetiva na provável data de 12 de janeiro de 2020. A validade deste Concurso Público será de um ano podendo ser prorrogado por igual período.

FARMACÊUTICO

Conteúdo Programático

POLÍTICAS PÚBLICAS DO SISTEMA ÚNICO DE SAÚDE

1. Sistema Único de Saúde (SUS): princípios e diretrizes do SUS. 2. Legislação do SUS: Lei Federal nº 8.080/1990. 3. Política Nacional de Promoção da Saúde. 4. Política Nacional de Humanização.

ESPECÍFICO DO CARGO A QUE CONCORRE

I-ASSISTÊNCIA FARMACÊUTICA

 Diretrizes para estruturação de farmácias no Sistema Único de Saúde. Conceitos aplicados ao Sistema Único de Saúde. Acesso, promoção e uso racional ou adequado de medicamentos. Seleção, utilização e informação de medicamentos. Farmacoepidemiologia. Logística farmacêutica. Gerenciamento, monitoramento e avaliação da assistência farmacêutica. Ciclo da Assistência Farmacêutica: programação, aquisição e armazenamento. Ética. Regulação sanitária de medicamentos. Avaliação de tecnologias em saúde e medicina baseada em evidências aplicadas à assistência farmacêutica. Sistemas de informação em saúde e epidemiologia. Assistência farmacêutica e demandas judiciais de medicamentos no Sistema Único de Saúde.

II – FARMACOLOGIA

Princípios gerais da farmacologia. Neurofarmacologia. Fármacos que atuam no sistema nervoso central. Fármacos que afetam as funções renal e cardiovascular. Fármacos usados no tratamento das parasitoses. Inflamação, imunomodulação e hematopoiese. Hormônios e seus antagonistas. Fármacos que afetam a função gastrointestinal. Quimioterapia das doenças microbianas e neoplásicas. Farmacologia ocular e dermatológica. Farmacoterapia de distúrbios ginecológicos e obstétricos e contracepção. Toxicologia.

III - FARMÁCIA HOSPITALAR

Gestão de suprimentos e custos. Sistemas de distribuição de medicamentos. Gestão da qualidade e indicadores aplicados à farmácia hospitalar. Farmacotécnica hospitalar: formas farmacêuticas estéreis e não estéreis. Terapia nutricional parenteral. Comissão de controle de infecção hospitalar. Gerenciamento de resíduos nos serviços de saúde. Centros de informação de medicamentos. Erros de medicação. Princípios de farmacoepidemiologia e farmacovigilância na farmácia hospitalar. Farmácia clínica. Educação sanitária. Marketing e Promoção de Medicamentos.

IV– LEGISLAÇÃO SANITÁRIA E FARMACÊUTICA

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

BRASIL. Lei nº 13.021, de 8 de agosto de 2014. Dispõe sobre o exercício e a fiscalização das atividades farmacêuticas.

BRASIL. Conselho Federal de Farmácia. Resolução nº 596, de 21 de fevereiro de 2014. Dispõe sobre o Código de Ética Farmacêutica, o Código de Processo Ético e estabelece as infrações e as regras de aplicação das sanções disciplinares.

BRASIL. Conselho Federal de Farmácia. Resolução nº. 568, de 06 de dezembro de 2012. Dispõe sobre nova redação aos artigos 1º ao 6º da Resolução/CFF nº 492 de 26 de novembro de 2008, que regulamenta o exercício profissional nos serviços de atendimento pré-hospitalar, na farmácia hospitalar e em outros serviços de saúde, de natureza pública ou privada.

BRASIL. AGÊNCIA NACIONAL DE VIGILÂNCIA SANITÁRIA. Resolução da Diretoria Colegiada RDC Nº 44, de 17 de agosto de 2009. Dispõe sobre Boas Práticas Farmacêuticas para o controle sanitário do funcionamento, da dispensação e da comercialização de produtos e da prestação de serviços farmacêuticos em farmácias e drogarias e dá outras providências

BRASIL. Conselho Federal de Farmácia. Resolução nº. 492, de 26 de novembro de 2008. Dispõe sobre a regulamentação do exercício profissional nos serviços de atendimento pré-hospitalar, na farmácia hospitalar e em outros serviços de saúde, de natureza pública ou privada.

BRASIL. CONSELHO NACIONAL DE SAÚDE. Resolução nº. 338, de 06 de maio de 2004. Dispõe sobre a Política Nacional de Assistência Farmacêutica.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria nº. 3916, de 30 de outubro de 1998. Dispõe sobre a Política Nacional de Medicamentos.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria n.º 344, de 12 de maio de 1998 (e suas atualizações). Dispõe sobre o Regulamento Técnico sobre substâncias e medicamentos sujeitos a controle especial.

BRASIL. Lei n.º 5991, de 17 de dezembro de 1973. Dispõe sobre o controle sanitário do comércio de drogas, medicamentos, insumos farmacêuticos e correlatos, e dá outras providências. http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/LEIS/L5991.htm Acesso em 20/11/19.

 

OBS

 

Prezado Cliente:

 

Não Trabalhamos com apostilas impressas e sim digitais no formato PDF, enviadas por email/link para download e as imagens são apenas ilustrativas.

 

O envio será feito até 24 horas após sermos notificados da realização e aprovação do pagamento pela instituição financeira.

 

Solicitamos também aos nossos clientes , que verifiquem em suas caixas de E-mail, inclusive caixa de Spam e Lixo eletrônico pois muitos programas de e-mails, direcionam arquivos para essas pastas.

 

COLOQUE ESTA PÁGINA EM SEUS FAVORITOS.VOCÊ PODE PRECISAR!

 

Deixe seu comentário e sua avaliação







- Máximo de 512 caracteres.

Clique para Avaliar


  • Avaliação:
Enviar
Faça seu login e comente.

Características


    Confira os produtos